London FW MAN’S 2018

Nesse mês aconteceu o aguardado London Fashion Week Mans’s, nos dias 06, 07 e 08. Dentre as muitas marcas e estilistas que desfilaram nessa temporada, algumas se destacaram ao abordar questões sociais latentes. Novos criativos trouxeram visões despidas de gênero para suas coleções e trouxera um novo fôlego para as passarelas londrinas.

MAN 
Coleção:  “Non – Binary Paradise”

A marca abordou nessa temporada a questão de gênero na moda, e a série de limitações que ocorrem quando existe a definição binária.

Os estilistas Eden Loweth e Tom Barratt, da Art School trouxeram a coleção com o intuito de criar um diálogo de suas vidas e de seus amigos, pessoas que nunca são representadas.

O Estilista Eden Loweth acredita que as lojas precisam se adaptar a como as pessoas estão começando a se vestir, “Se você não tivesse uma loja de gênero, haveria muito mais homens comprando coisas que realmente eram roupas femininas”.  Sobre a beleza do desfile  Tom Barrat diz que a coleção retratava pessoas estranhas para a sociedade, “Nós queríamos que tudo fosse feroz! “.

A coleção se concentrou em costuras suaves e o que significa “ser suave”. Saias e vestidos, cristais Swarovski costurados à mão, camadas transparentes, cetim duchesse e fios de malha de metal usados ​​em torno do corpo, cortes sem gênero, camisas oversized como vestidos, inspiração nos  anos 90, camisa branca embaixo e peças transparentes com bordados polêmicos deram vida as peças.

 

MAN

MAN

MAN

MAN

Fique por dentro de todas as novidades!

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Revista Catarina.

Seu endereço de e-mail*