Entrevista: Simple Organic para Catarina

No último sábado (26 de agosto) a marca à la garçonne, aos comandos de Alexandre Herchcovitch e Fábio Souza, deu início extraoficialmente à temporada de desfiles que vem acontecendo essa semana com o SPFW. Toda a beauty da passarela foi feita pela maquiadora Amanda Schon com os produtos da marca Simple Organic, buscando trazer uma pegada ainda mais underground e moderna para as produções. Nossa equipe bateu um papo com Amanda no backstage, tirando algumas dúvidas e anotando muitas dicas, confira:

Revista​ ​Catarina:​ ​Na​ ​sua​ ​opinião,​ ​qual​ ​é​ ​a​ ​melhor​ ​maquiagem​ ​pro​ ​dia​ ​a​ ​dia?

Amanda: Eu pessoalmente não uso maquiagem no dia a dia, mas acredito que seja a mais natural possível, e que trate a pele ao invés de agredi-la. Se vamos usar algo todos os dias na​ ​nossa​ ​pele,​ ​isso​ ​precisa​ ​contribuir​ ​pra​ ​mantê-la​ ​saudável​ ​e​ ​não​ ​pra​ ​agredi-la.

RC:​ ​O​ ​BB​ ​Cream​ ​funciona​ ​à​ ​noite​ ​também?

A: Eu sou uma grande fã de BB cream, justamente pela naturalidade e leveza que ele confere aos looks. Você consegue conferir viço e homogeneidade a pele sem perder a transparência e a naturalidade. Pra mim BB cream funciona pra qualquer hora do dia ou da noite, pra qualquer evento ou situação quando o que você busca é estar maravilhosa com aspecto​ ​natural​ ​e​ ​saudável.

RC:​ ​A​ ​maquiagem​ ​pesada,​ ​com​ ​contorno,​ ​ficou​ ​para​ ​trás?

A: Ela nunca teve espaço no meu coração, confesso. Nunca entendi muito essa quantidade de camadas de maquiagem no rosto impedindo a pele de respirar, nunca gostei dessa padronização de rostos e sempre tive muita implicância com o fato de todas as mulheres parecerem as mesmas. Parece que agora as outras pessoas também cansaram disso. Acho que cada dia mais estamos nos conhecendo entendendo que nossa beleza particular é muito mais bonita do que essa padronizada e que quilos de maquiagem não são garantia se​ ​auto​ ​estima.​ ​Com​ ​certeza​ ​a​ ​beleza​ ​natural​ ​e​ ​saudável​ ​está​ ​tomando​ ​esse​ ​lugar.

RC:​ ​Quando​ ​usar​ ​a​ ​pele​ ​super​ ​iluminada?

A: Sempre que quiser. Super não quer dizer exageradamente, não que você não possa exagerar se quiser também (risos). Eu sou da opinião que maquiagem sai com água e sabão e deve ser usada livremente de acordo com a sua vontade e personalidade. Mas a pele iluminada tem minha preferência sempre. Não gosto de pele opaca e sem viço. Olho pras pessoas e tenho a impressão de que elas estão pelo menos 10 anos mais velhas. Gosto de gente corada, com viço e cara de saúde, a pele iluminada me dá essa sensação. O quão iluminada ela vai estar depende da vontade de cada um. Eu costumo caprichar no iluminador​ ​no​ ​inverno​ ​e​ ​a​ ​noite. Mas​ ​essa​ ​é​ ​só​ ​​ ​a​ ​minha​ ​preferência.

RC:​ ​A​ ​maquiagem​ ​do​ ​desfile​ ​é​ ​ideal​ ​para​ ​usar​ ​onde?

A: O desfile tem várias belezas, todas com bastante personalidade mas bem diferentes umas das outras. Tem maquiagem pra usar no dia a dia, no trabalho,em shows, na night. Tudo​ ​depende​ ​da​ ​mulher​ ​que​ ​você​ ​quer​ ​ser​ ​e​ ​quando​ ​você​ ​quer​ ​ser.

RC:​ ​Qual​ ​é​ ​o​ ​foco​ ​da​ ​make?​ ​Olhos?

A: Hora olhos, hora boca, hora têmporas, hora uma pele incrível e hora tudo isso junto de uma​ ​vez​ ​só. Tem​ ​vez​ ​pra​ ​tudo​ ​na​ ​beleza​ ​que​ ​criamos.

RC:​ ​Como​ ​adaptar​ ​esse​ ​visual​ ​para​ ​a​ ​vida?

A: As maquiagens são bem usáveis do jeito que são. Dá pra sair do jeitinho que estão na passarela​ ​e​ ​ir​ ​pra​ ​vida,​ ​sem​ ​nenhum​ ​problema.

RC:​ ​Cores​ ​mais​ ​queridas​ ​da​ ​próxima​ ​estação?

A: Eu aposto em cores, de maneira geral. A gente veio de temporadas bem neutras e “no makeup”, e as cores agora estão tomando nossos corações de volta. Acho que justamente por diminuirmos as camadas de pele, contorno e cílios postiços, as cores ganham espaço onde antes só cabiam nudes e tons terrosos. É hora de se divertir com cores! Eu aposto em vermelhos, rosas, laranjas e branco. Tenho brincado muito com esses tons e no que depender​ ​de​ ​mim​ ​vamos​ ​ver​ ​muito​ ​disso​ ​por​ ​aí.

RC:​ ​Maquiagens​ ​orgânicas​ ​são​ ​tendência​ ​ou​ ​necessidade?

A: Uma união das duas coisas. Precisamos falar sobre como agredimos nossa pele diariamente, sobre a quantidade de lixo que produzimos, precisamos questionar o que ingerimos e o que absorvemos seja da maneira que for. Não é diferente com a maquiagem. Estamos abrindo os olhos e ouvidos pra informação e informação traz questionamento. Quando questionamos descobrimos novas possibilidades e isso gera demanda. Tendência nada​ ​mais​ ​é​ ​que​ ​demanda.​ ​Que​ ​bom​ ​que​ ​estamos​ ​nesse​ ​caminho!

Fique por dentro de todas as novidades!

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Revista Catarina.

Seu endereço de e-mail*