CEP: Indefinido

Uma das maravilhas do mundo moderno é poder trabalhar a qualquer hora, em qualquer lugar do mundo. Alana Trauczynski investiu em um negócio on-line e optou por viver a vida conhecendo lugares novos. Depois de mais de 40 CEPs diferentes, Alana compartilha conosco  um pouco de sua história, que pode ser contada através de um invejável roteiro de viagem.

IMG_0362

“A liberdade é antes de tudo uma decisão interna”. É com essa frase impactante que Alana Trauczynski, 37, abre seu negócio na web intitulado Recalculando a Rota. Mas esse projeto de vida começou há muitos anos atrás, mesmo sem ela saber. Alana, desde pequena, sempre gostou de viajar e à medida que ia crescendo, a vontade de conhecer novos lugares e culturas só aumentava. Depois de mais de 13 anos viajando o mundo, Alana escreveu, em 2009, o livro Recalculando a rota: uma louca jornada em busca de propósito, que contava um pouco de suas experiências e também de sua busca incansável por uma verdadeira vocação profissional. Mal ela sabia que estava literalmente escrevendo sua história.

TRABALHANDO NA WEB

Depois da publicação do livro, em 2012, Alana criou um blog em 2014 e também um programa on-line de coaching e autoconhecimento em 2015.  Coaching é um processo que tem como objetivo principal aumentar o nível de resultados de performances de pessoas, times e empresas. Alana usa todo o seu conhecimento profissional e toda a bagagem cultural que adquiriu em suas viagens para auxiliar pessoas que sentem que precisam recalcular a rota de suas vidas. “Eu finalmente passei a acreditar nos meus próprios sonhos” e “Eu me tornei mais próxima da pessoa que eu sempre quis ser” são alguns dos elogios de participantes encontrados no site do programa, que teve duas edições este ano, em março e em agosto, e já tem a próxima marcada para março de 2016. Viajar não é uma decisão, mas sim uma necessidade. Alana nos conta que não houve um momento em que ela decidiu que viveria a vida viajando. Ela acredita que essa não é uma decisão, e sim uma necessidade, não só de conhecer coisas novas, mas também de se conhecer. Com o apoio total da família, Alana concretizou seu negócio e a partir daí optou por não ter um CEP fixo nem definido, trabalhando e vivendo onde tivesse vontade. Seria até injusto dizer que ela vive a vida viajando, afinal ela fica um período indeterminado em cada local.

MOTIVAÇÃO

O que motiva Alana a ter uma vida rica em experiências é a ampliação de sua visão; cada vez que viaja ela cria novas referências e conhece coisas diferentes. Além disso, serve como um processo de autoconhecimento, para nos desprendermos dos padrões que são impostos a nós por nossos pais e pela sociedade. A verdade é que não precisamos corresponder às expectativas de ninguém, muito menos viver como nos foi pré-estabelecido. Alana prova a cada dia que a vida não tem um roteiro, cada um segue o que acha melhor e o que o faz feliz.

E A QUESTÃO FINANCEIRA!?

Tudo é muito simples na teoria, mas na prática é bem diferente. Como Alana vive do seu business e ele pode ser administrado de qualquer lugar do mundo, ela não sente a necessidade de trabalhar nas cidades onde mora e direciona sua renda para se manter ali. Ela ainda destaca que algumas viagens que faz são estritamente a trabalho, tanto para estudar um assunto novo ou fazer um workshop como para guiar grupos em viagens, o que já fez anteriormente.

20130828_221908

DESTINOS

São tantos anos viajando e tantos lugares percorridos que Alana não soube nos dizer precisamente quantos e quais países já conheceu. Só este ano, ela já morou por um tempo em Cape Town (África do Sul), Colômbia, Berlim (Alemanha), Ushuaia (Argentina), além de vários lugares no próprio Brasil como Rio de Janeiro e Florianópolis onde ela está no momento. Nos últimos anos, alguns dos países que ela visitou foram: Canadá, Estados Unidos, México, Colômbia, Chile, Argentina, Inglaterra, Escócia, Espanha, França, Alemanha, África do Sul, Marrocos e Índia. Apesar de não ser um dos seus destinos favoritos, ela acrescenta que a Índia é um local que toda pessoa precisa conhecer um dia, por ser um lugar de contrastes.

DESTINOS FAVORITOS

“ Meus três lugares prediletos no mundo são: 1) a Califórnia, nos Estados Unidos. Lá você consegue fazer snowboard, ir à praia e conhecer as montanhas. É um local muito versátil, tem todos os universos em um só estado, além de ser muito belo; 2) Cape Town, na África do Sul, é uma cidade muito linda e muito barata de se viver porque o nosso dinheiro vale muito lá; 3) também gostei muito do Marrocos, mais precisamente do deserto do Saara por ser um local único e onde nós nos deparamos com nós mesmos. É impactante a experiência! ”

QUAL SERÁ O PRÓXIMO DESTINO?

Ela respondeu prontamente: Bali, ilha da Indonésia! Além de ser um lugar lindo, a conversão de moeda é propícia, então para os brasileiros fica mais barato viver lá.

IMG_0128

por Diego Sfoggia
pauta publicada na Revista Donna, cliente Catarina

Fique por dentro de todas as novidades!

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Revista Catarina.

Seu endereço de e-mail*