A nova estética da comida

Quando falamos em alimentação saudável são notórias as mudanças no que realmente de fato faz bem para a saúde ou não. A ingestão recomendada de frutas e vegetais, por exemplo, cresceu de cinco à sete para dez vezes ao dia, ovos voltam a ser permitidos e alguns estudos já indicam que o óleo de coco não é tão saudável quanto pensávamos.

Os consumidores dizem que querem comer de forma saudável, mas o seu comportamento real nem sempre refletiu isso. O lado bom é que agora tanto os consumidores quanto os produtores estão percebendo que alimentação saudável pode e deve ser prazerosa, e o visual delas passou a ser de extrema importância. Bolo de salada, sobremesas, sucos, estão ganhando um apelo visual forte, e a combinação de comida com beleza deu certo, mesmo aqueles que não eram adeptos a uma alimentação saudável, passam a se interessar.

Com a linguagem de marketing em constante evolução para acompanhar a mudança de conselhos de saúde e ideias do consumidor do que é saudável ou não, as marcas passam a refinar sua mensagem aos consumidores sobre como comer saudável. A maneira como percebemos a comida, com base na história por trás e o amor e a atenção que entrou nisso, é primordial nos dias de hoje. Além disso as pessoas querem olhar para uma imagens de alimentos brilhantes, coloridos , felizes e divertidos.

A alimentação saudável é agora uma emoção de fenômeno estético e que faz parte do a economia da experiência. Interatividade é um traço-chave para os consumidores mais jovens e eles são os mais adeptos a esse tendência alimentar esteticamente única. A tendência está mudando e ao invés de esconder ingredientes nutritivos em alimentos agora passamos a exibi-los de forma diferente melhorando sua estética. Já não é suficiente para o mercado saudável alimentos ditos como saudáveis – os consumidores estão cada vez mais buscando indulgência. Refeições saudáveis têm
maior apelo se acompanhadas de uma narrativa, uma surpresa ou fornecer gratificação emocional. Isto é uma ótima oportunidade para os anunciantes.

O que é claro ao lado do sucesso de marketing, é a adoção do consumidor de equilíbrio nas escolhas alimentares e estilo de vida; eles estão buscando a sensação de ser saudável. Ajustar a linguagem nas embalagens e reduzir o tamanho das porções é uma prática padrão, mas as marcas agora também estão ajudando os consumidores a pensar em uma alimentação saudável em outros maneiras tangíveis. Além disso os consumidores passam a optar por abordagens individuais, eles estão ouvindo os seus sentidos e seus corpos, se desviando ainda mais da contagem de calorias.

O mais interessante é ver o passa tanto da indústria alimentícia como dos consumidores em busca por um alimentação melhor. E que ela não precisa de gosto ruim, muito pelo contrário , que é uma delicia e esteticamente linda. Confirma alguns Instagram que selecionamos para vocês Symmetry Breakfast, Cloud Eggs, AvoLattes e Unicorn Food , The End.

Fique por dentro de todas as novidades!

Cadastre seu e-mail e receba conteúdos exclusivos da Revista Catarina.

Seu endereço de e-mail*